Maranhão mantém investimentos na rede de saúde e se antecipa para uma possível segunda onda da Covid-19

Policlínica de Santa Inês (Foto: Divulgação)

Após a queda no número de casos e óbitos pela Covid-19, países da Europa voltam a sofrer com uma segunda onda da doença e a proliferação rápida do vírus. A reedição do lockdown em países como França, Alemanha e Inglaterra acendeu o alerta para que a América Latina também se prepare para um possível novo ciclo de contágio. Apesar das incertezas sobre uma nova fase de alastramento do Sars-CoV-2 no Brasil, o Maranhão se antecipa e mantém investimentos na rede de saúde pública em combate ao coronavírus.

O secretário de Estado da Saúde (SES), Carlos Lula, frisa que a guerra contra a Covid-19 ainda não foi vencida: “O cenário da Covid-19 ainda se mostra desafiador em todo o país. Estados vizinhos como Ceará, Amapá e Pará voltaram a registrar um grande número de casos da doença. A possibilidade de uma segunda onda não pode ser descartada. Vamos continuar investindo em assistência e ampliação da nossa rede”.

Nesta quinta-feira (5) foi a vez da inauguração do Hospital Municipal de Carolina, no Sul do Maranhão. São 20 novos leitos e espaços como posto de enfermagem, sala de raio-X e laboratórios. A unidade deve beneficiar 24 municípios da região. O hospital foi construído pelo Estado e entregue ao município. 

E acaba de ser entregue a Policlínica de Santa Inês, no mesmo prédio onde funcionou o hospital de campanha da cidade. São consultas e exames em diversas especialidades. 

Novas unidades

Veja alguns dos reforços para uma possível segunda onda da Covid-19 no Maranhão:

Ampliação do Hospital Raimundo Lima: instalado em uma área anexa ao Hospital Nina Rodrigues, em São Luís, o Hospital Dr. Raimundo Lima que já é referência no combate ao coronavírus ganhará um novo centro cirúrgico.  

Ampliação do Hospital Aquiles Lisboa: com mais de 80 anos de serviços prestados à população, o hospital está passando por ampliação e ganhará mais 50 leitos para atender a demanda da região Itaqui-Bacanga.

Hospital de Doenças Infectoparasitárias Genésio Rêgo: unidade que já foi expandida para tratamento de pacientes com a Covid-19, o Hospital Dr. Genésio Rego, na Vila Palmeira será transformado no Hospital de Doenças Infectoparasitárias Genésio Rêgo e Instituto Maranhense de #Infectologia, para reforçar a pesquisa na área. 

Hospital de Carolina, construído pelo Estado (Foto: Divulgação)

Policlínica de Açailândia: o município de Açailândia também contará com uma Policlínica e outros equipamentos de saúde. Na cidade, o governo prepara a instalação definitiva da UTI que foi utilizada no Hospital de Campanha.

Hospital de Pedreiras: a cidade que também contou com um Hospital de Campanha no auge da pandemia também ganhará um novo hospital. Segundo Carlos Lula, o Hospital de Pedreiras “é construído em ritmo acelerado”.

UTI no Hospital Regional de Barreirinhas: 
servirá também para uma possível segunda onda do coronavírus.

Maternidade de Paço do Lumiar: as obras estão em andamento vão levar esse serviço que ainda falta na cidade.

Serviços abertos em 2020

O Maranhão foi um dos estados brasileiros com o melhor desempenho no combate à pandemia, com apontou pesquisa nacional do Centro de Liderança Pública (CLP) realizada em julho de 2020. Além da testagem gratuita da população via Drive Thru e nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), houve um grande esforço na ampliação da rede hospitalar em 2020.

Policlínica de Presidente Dutra (Foto: Divulgação)

Em todo o Maranhão, só este ano foram abertos quatro Hospitais de Campanha (em São Luís, Santa Inês, Pedreiras e Açailândia) e pelo menos nove novas unidades hospitalares (Hospital Dr. Genésio Rêgo, Hospital de Cuidados Intensivos, Hospital Dr. Raimundo Lima, Hospital Real, Clínica São José, Hospital Regional de Viana, UPA Paço do Lumiar, Hospital Regional de Santa Luzia do Paruá e o Hospital Regional de Lago da Pedra) para tratamento emergencial da doença.  

Também foram entregues nas últimas semanas as seguintes unidades: 

• Centro de Hemodiálise de Pinheiro
• Hospital da Criança de Colinas
• Reforma e ampliação do Hospital Regional de Carutapera
• Reforma e ampliação do Hospital Regional de Itapecuru Mirim
• Reforma e ampliação do Hospital Regional de Timon
• Reforma e ampliação do Hospital Regional Materno Infantil
• Reforma e ampliação do Hospital Macrorregional de Imperatriz 
• Reforma e ampliação do Hospital Macrorregional de Coroatá
• Policlínica de Presidente Dutra

Comentários

Comentários