Conjunto de ações na saúde, educação e geração de empregos são implementadas pelo Governo do Estado

Em coletiva virtual nesta sexta-feira (4), o governador Flávio Dino divulgou conjunto de ações que tem como objetivo garantir a continuidade no atendimento à saúde, a qualidade no ensino da rede estadual e a geração de emprego e renda aos maranhenses. 

“Estamos vivendo um período de estabilização do coronavírus, mas não de eliminação definitiva do mesmo. Estamos mostrando na prática, com ações concretas, o quanto nos importamos com a vida das pessoas, com a educação dos nossos filhos e com a sobrevivência das famílias maranhenses”, assegurou o governador.

Saúde

Na saúde, o governador anunciou o encerramento, nos próximos dias, do Hospital de Campanha em São Luís.  Antes do encerramento, no espaço, haverá um drive-thru onde serão feitos testes de coronavírus, entre os dias 10 e 30 de setembro, de segunda-feira a sexta-feira, para idosos e gestantes, das 8h às 18h. Os testes poderão ser feitos no estacionamento do Multicenter Sebrae.

Além desse anúncio, estão programadas novas entregas na área da saúde: serão incorporados 10 novos leitos de UTI neonatal na Maternidade Benedito Leite e começará a funcionar o ambulatório oftalmológico no Hospital Carlos Macieira, ambos a partir do dia 10 de setembro.

Na coletiva, o governador anunciou ainda que a partir do dia 14 de setembro a Policlínica do Cohatrac fará consultas e exames e a partir do dia 30 de setembro, funcionará o Serviço de Pronto Atendimento 24h. No dia 23 de setembro, começará a funcionar, na cidade de Colinas, o Hospital da Criança, que atenderá o público infantil de toda a região central do Maranhão.

O governador anunciou, ainda, o lançamento do Prêmio Vencendo o Coronavírus, que premiará, no valor de R$ 6 milhões, os municípios maranhenses que melhor executarem ações de vigilância epidemiológica, atenção básica à saúde, com controle e monitoramento do coronavírus. 

Educação

Na educação, foi divulgado que serão comprados mais 200 mil chips com dados móveis, agora destinados aos alunos da 1ª e 2ª série do Ensino Médio. Em agosto, os alunos da 3ª série do Ensino Médio da rede pública estadual receberam cerca de 90 mil chips de internet com o objetivo de facilitar o acesso às aulas remotas. 

Durante a coletiva o governador afirmou que houve nova consulta à comunidade escolar que, neste momento, ainda opta pela continuidade do ensino remoto.

“Vamos respeitar o processo de diálogo entre as famílias, estudantes, professores, funcionários sobre a modalidade de ensino. Infelizmente, o coronavírus traz problemas gravíssimos como o aprofundamento das desigualdades educacionais. Estamos atentos e mobilizados, com ações concretas para amenizar esses efeitos. Começamos  o processo de ensino remoto desde o mês de abril e continuamos aperfeiçoando, aprimorando nossas videoaulas, as aulas no rádio, apostilas e agora com os chips”, disse o o governador. 

Empregos

Ao final da coletiva, o governador reforçou o investimento programado no valor de R$ 558 milhões do Plano Emergencial de Empregos Celso Furtado. “O plano já  está sendo executado. Até hoje, já foram executados R$ 65 milhões em obras rodoviárias, educacionais, Cheque Minha Casa. Todas as semanas iremos prestar contas das ações do Plano de Empregos, que tem como principal objetivo amenizar os terríveis efeitos econômicos e sociais gerados pela crise do coronavírus”, finalizou o governador.

Comentários

Comentários