Hospital de Câncer do Maranhão conclui 1 ano do Programa de Desenvolvimento Institucional com Hospital Alemão Oswaldo Cruz

O projeto de reestruturação de hospitais públicos busca aperfeiçoar processos, protocolos e procedimentos

O Hospital de Câncer do Maranhão recebeu, nesta quinta (7) e sexta-feira (8), três consultores do Hospital Alemão Oswaldo Cruz (HAOC), para uma rodada de avaliação do processo de consultoria técnica, que em outubro completou um ano. O trabalho faz parte do Projeto Reestruturação de Hospitais Públicos (RHP), desenvolvido na unidade através do Programa de Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS), do Ministério da Saúde.

O projeto de reestruturação de hospitais públicos busca aperfeiçoar processos, protocolos e procedimentos e alcança as áreas de avaliação e incorporação de tecnologias, capacitação de recursos humanos, pesquisas de interesse público em saúde, e desenvolvimento de técnicas e gestão em serviços de saúde.

O primeiro ano do projeto no Hospital de Câncer foi voltado para criação e implementação de processos de trabalho. “Os avaliadores nos passaram que houve muitos avanços em muitas áreas, em outras ainda precisaremos avançar. Primeiro, fizemos a construção de novos processos e implantação, agora vamos fazer a execução deles. Recebemos muitos elogios e o resultado foi bem satisfatório”, relata a diretora administrativa do Hospital de Câncer do Maranhão, Ana Flávia Lustosa.

A consultoria iniciou com a construção de um diagnóstico dos processos operacionais desenvolvidos na unidade de saúde maranhense. Com base nele os processos foram sendo construídos e customizados de acordo com a realidade local. O projeto acontece até 2020.

“O engajamento e comprometimento das equipes foi um ponto significativo mencionado na avaliação. Os projetos que desenvolvemos com pacientes e acompanhantes também. A perspectiva é correr atrás dos 100% de conformidade e alinhar para que os processos sejam executados”, pontua Ana Flávia Lustosa.

Comentários

Comentários