Ação educativa na Feirinha da Praça Benedito Leite conscientiza para trânsito seguro

Ação educativa do Projeto Direção Certa, na Feirinha da Praça Benedito Leite (Foto: Divulgação)

O Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA) realizou, no domingo (18), mais uma ação educativa do Projeto Direção Certa, na Feirinha da Praça Benedito Leite, no Centro Histórico de São Luís. A ação tem o objetivo de levar aos participantes orientações sobre segurança no trânsito e alertar as pessoas para os riscos de dirigir sob o efeito de bebidas alcoólicas e substâncias psicoativas.

A ação chamou a atenção dos frequentadores da feirinha cultural, com a participação dos novos mascotes do Detran–MA, os bonecos Zé Plaquinha e Maria Sinaleira, que despertaram a curiosidade de adultos e crianças que estavam no local.

“Com o andamento das nossas ações, percebemos que as pessoas reagem de forma muito positiva para o trabalho apresentado de forma lúdica. Os mascotes vieram agregar alegria nas atividades educativas”, explicou a chefe da Divisão de Orientação para o Trânsito do Detran-MA, Juliana Salazar.

Durante a ação, os educadores de trânsito convidaram as pessoas para fazer o teste do etilômetro/bafômetro e tirar suas dúvidas sobre o equipamento utilizado nas blitzen de fiscalização da Lei Seca. A equipe, ainda, entregou material informativo com dicas de segurança no trânsito.

O educador Willame Júnior, que faz parte do Humanizar projeto do Detran-MA, que conta com a participação de pessoas com deficiência, vítimas de acidentes de trânsito, nas ações educativas de conscientização, conversou com adolescentes e adultos sobre os riscos das imprudências no trânsito, principalmente, se tratando do excesso de velocidade e da perigosa mistura de álcool e direção.

Ação educativa do Projeto Direção Certa, na Feirinha da Praça Benedito Leite (Foto: Divulgação)

“A minha condução física é um exemplo de como dirigir um veículo, de forma irresponsável, pode levar a consequências irreversíveis para nossas vidas. Eu me identifico com este trabalho e sei que carrego em mim os riscos de um dia ter agido com imprudência no trânsito. As pessoas entendem e respeitam as minhas orientações com uma forma de mensagem de vida”, destacou Willame Júnior.

A estudante de curso preparatório para Medicina, Jádina Silva, 18 anos, disse que achou muito importante a abordagem dos educadores. “Achei excelente, por acreditar que, a grande maioria das pessoas não assume suas responsabilidades no trânsito, principalmente, quando o assunto em pauta é álcool e direção veicular. Todos sabemos que isto é o que aumenta os acidentes no trânsito”, avaliou.

O professor de História, Mariano Furtado, paulista que veio conhecer São Luis, elogiou a atividade do Detran-MA, em levar ações educativas para um lugar onde as pessoas buscam lazer e diversão. “É exatamente aqui, que precisa de ações de conscientização. Muita gente vem para se divertir, tomar uma cerveja e esquece que vai voltar para casa de carro, dirigindo um veículo. A educação é o caminho para agirmos corretamente na vida”, afirmou.