Inauguração de IEMA em Matões amplia oferta em educação profissional no Leste maranhense

Unidade do IEMA em Matões será inaugurada na próxima segunda (9) pelo governador Flávio Dino. Foto: Divulgação

Com a construção do primeiro prédio do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) em Matões, o Governo do Maranhão amplia a educação profissional e técnica no Leste maranhenses. O investimento de mais de R$ 10 milhões por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) possibilitou a implementação de um prédio moderno, amplo e adaptado para receber 480 estudantes. O novo IEMA será inaugurado na segunda-feira (9), e, ainda neste ano, o governo Flávio Dino deve entregar outras 11 unidades do IEMA em diversas regiões do Estado.

O IEMA de Matões conta com uma área total de 20 mil m² dividido em 12 salas de aula, 6 laboratórios, 2 laboratórios especiais, auditório com capacidade para 200 pessoas, cozinha industrial, anfiteatro, ginásio poliesportivo, 8 salas administrativas, além de 5 mil m² de área verde com espaço para convivência entre os alunos. A construção do IEMA possibilitou a geração de emprego e renda para a região. Com a obra, foram ofertadas 150 vagas de emprego direto.

Unidade do IEMA em Matões será inaugurada na próxima segunda (9) pelo governador Flávio Dino. Foto: Divulgação

“Os investimentos no ensino profissional técnico representam a certeza de melhores oportunidades para os nossos jovens, de um futuro promissor por meio da educação, este tem sido o compromisso do governador Flávio Dino que não tem medido esforços para garantir mais dignidade, qualidade de vida e justiça social para todos”, frisou o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto.

Em Axixá, Bacabeira, Pindaré Mirim, Timon, Coroatá, Santa Inês e São José de Ribamar, o governo entregou unidades do IEMA. Na capital, São Luís, duas unidades estão em funcionamento: a do Centro e a do Itaqui-Bacanga. Com a construção de novos prédios, o governo mantém o compromisso de ampliar o ensino profissional e técnico em tempo integral no Maranhão.

“Não tenho dúvidas que esta unidade será de grande impacto não só para o município de Matões, como também para todas as demais regiões próximas de Matões, inclusive para o Piauí. Iremos começar a ofertar a educação profissional e tecnológica com uma infraestrutura de grande qualidade”, afirmou o reitor do IEMA, Jhonatan Almada.

Mais investimentos

Unidade do IEMA em Matões será inaugurada na próxima segunda (9) pelo governador Flávio Dino. Foto: Divulgação

Para este ano, o governo Flávio Dino deve entregar mais 11 unidades do IEMA em diversas regiões. São elas: São Domingos, Cururupu, São Vicente Férrer, Presidente Dutra, Chapadinha, Dom Pedro, Coroatá, Santa Helena, São Mateus, Colinas e Balsas.

IEMA

O Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) foi criado no governo Flávio Dino com o intuito de ampliar a oferta de educação profissional técnica de nível médio no estado.

A proposta do Instituto é ofertar educação técnica integral, com infraestrutura, equipamentos e pessoal para o desenvolvimento de cursos técnicos integrados ao ensino médio, respeitando as necessidades locais e as prioridades estratégicas do Maranhão. O IEMA está organizado em Unidades Plenas e Unidades Vocacionais.

Unidade do IEMA em Matões será inaugurada na próxima segunda (9) pelo governador Flávio Dino. Foto: Divulgação