Franceses se encantam com belezas de São Luís

 

Franceses se encantam com belezas de São Luís. Foto:Divulgação

Um grupo de quase 200 turistas desembarcou no Porto do Itaqui nesta segunda-feira para um passeio pelo centro histórico

Nesta segunda-feira (20), 194 turistas franceses desembarcaram em São Luís, no Porto do Itaqui, a bordo do navio Le Soleal. No curto tempo em que o navio ficou atracado na cidade, o grupo aproveitou para visitar alguns pontos turísticos como Espigão Costeiro, Avenida Litorânea, Praça Benedito Leite, Casa de Nhozinho, Palácio dos Leões e Casa do Maranhão.

Para receber os passageiros, a Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap) e da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Sectur) montaram uma operação especial garantindo a segurança dos visitantes.

“É um prazer receber visitantes em nosso estado, contribuindo para a divulgação das nossas belezas e atrativos turísticos. Montamos uma operação especial e colocamos equipes para o apoio de modo a garantir o trânsito seguro de todos os visitantes”, afirmou o diretor de operações da Emap, José Magalhães.

Os franceses fizeram um city tour para conhecer um pouco da cultura maranhense e do patrimônio histórico-arquitetônico da capital. “Essas visitas são muito importantes para incrementar o turismo no Estado. Grupos como este são fundamentais para multiplicar informações sobre nossas riquezas, atraindo assim cada vez mais visitantes para o Maranhão. Com certeza, os franceses levaram uma excelente impressão de São Luís e devem sugerir o destino”, ressaltou o secretário Adjunto de Turismo, Hugo Veiga.
Os franceses fizeram um passeio para conhecer um pouco da cultura maranhense e do patrimônio histórico-arquitetônico acompanhados por uma agência de viagens e turismo. A Sectur preparou uma programação cultural especial com o Tambor de Crioula Arte Nossa e o Boi de Nina Rodrigues e a Secretaria de Turismo do Município recepcionou o grupo em sua sede, oferecendo degustação de produtos locais.

O passeio seguiu pelos prédios históricos da Praça D. Pedro II, Casa de Nhozinho e foi encerrado com apresentação do bumba-meu-boi na Casa do Maranhão. Ao final da apresentação os turistas seguiram de volta ao Porto do Itaqui, de onde partiram no início da noite rumo a Belém.

Todos os anos, nessa mesma época, navios de cruzeiro têm atracado no Itaqui e em todas as ocasiões um numeroso grupo de visitantes se interessa em conhecer a capital fundada por franceses em 1612.