Resgate aeromédico garante transporte ágil de paciente do Hospital de Presidente Dutra

O Hospital Macrorregional de Presidente Dutra beneficia uma população estimada de 250 mil pessoas de 17 municípios. (Foto: Divulgação)

A base do Centro Tático Aéreo (CTA) de Presidente Dutra realizou, nesta segunda-feira (12), o primeiro transporte de paciente do Hospital Macrorregional de Presidente Dutra para o Hospital Carlos Macieira (HCM), em São Luís. A transferência do paciente é a primeira missão de assistência aeromédica operada com a logística e suporte local desde que a base foi entregue pelo Governo do Maranhão, no último dia 31 de janeiro.

“O resgate aeromédico que implantamos em Presidente Dutra vai garantir que o transporte de pacientes da região seja feito com o mínimo de risco e maior agilidade na transferência para o atendimento médico especializado nos hospitais da nossa rede. Por meio da ampliação de bases do CTA e formação de equipes do aeromédicos, o Governo do Estado fortalece a Política de Atenção às Urgências para atendimento da população”, destaca o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Ocir Gerônimo Pereira da Silva, 62 anos, é natural de Tuntum. Ele sofreu um infarto agudo do miocárdio de parede anterior extenso e recebeu atendimento no Hospital Macrorregional de Presidente Dutra, onde a equipe médica constatou a estabilidade da situação, contudo com a necessidade de intervenções urgentes disponíveis no Hospital Carlos Macieira, na capital.

A transferência do paciente foi garantida pela Central de Regulação da SES, que providenciou o leito e o translado aéreo, em parceria com o CTA. O transporte foi feito no início da tarde desta segunda-feira (12) em aeronave da CTA de Presidente Dutra com o acompanhamento da equipe médica da Unidade de Suporte Avançado (USA) de Peritoró, que foi qualificada pelo CTA para atendimento de missões aeromédicas naquela região.

“Esse trabalho é altamente importante. O paciente transportado era potencialmente grave, que poderia ter sua situação agravada por transporte terrestre. O novo equipamento dado pelo Governo do Estado será de grande valia para toda região”, confirma a diretora geral do Hospital em Presidente Dutra, Daniela Jadão.

De acordo com a diretora, essa era uma necessidade antiga da unidade, uma vez que a demanda do hospital é grande, pois é porta aberta para urgências e emergências. “Isso mostra a gravidade dos nossos pacientes. Muitos precisam ser transportados para outros hospitais de referência”, comenta.

O Hospital Macrorregional de Presidente Dutra beneficia uma população estimada de 250 mil pessoas de 17 municípios.

Comentários

Comentários