Governo reforça parceria com Prefeitura de Balsas e realiza mutirão de cirurgias

Com a iniciativa do Governo do Estado em parceria com a Prefeitura de Balsas, doze pacientes foram atendidos no mutirão de cirurgias eletivas no Hospital Regional de Balsas. O atendimento tem o objetivo de reduzir a demanda reprimida na região.

No mutirão foram realizadas quatro hernioplastias (correção de hérnia), sete celecistectomias (retirada de vesícula) e uma safenectomia (remoção das veias safenas nas pernas). O atendimento ocorreu na última terça-feira (20).

“Pretendemos eliminar em 2018 a espera por procedimentos, dentro da competência da média complexidade”, explicou o diretor do Hospital Regional de Balsas, Eliabe Aguiar.

Saiba mais:

A dona de casa Maria José da Silva, de 56 anos e moradora de Balsas, teve acesso ao procedimento cirúrgico para retirada de vesícula. “Estou muito feliz com esse mutirão, porque fui bem atendida por todos do Hospital Regional de Balsas. Vi que os profissionais são muito capacitados. Logo recebi alta médica e estou numa boa recuperação, livre das crises dolorosas de vesícula”, destacou a paciente.

O prefeito de Balsas, Erik Augusto Costa e Silva, que é médico cirurgião trabalhou voluntariamente no mutirão. Ele afirmou que a parceria veio para somar, para tirar uma lacuna grande no Sul do Maranhão, porque permitiu grandes avanços na saúde, como tratamento de pacientes mais graves, com UTI, atendimento de crianças, atendimento neonatal de crianças de baixo peso.

“Com a chegada do Regional, fizemos uma parceria. Nós disponibilizamos os cirurgiões que trabalham para a Prefeitura e o Hospital Regional com toda a estrutura. Foram três salas cirúrgicas utilizadas, anestesias e a UTI de retaguarda, caso houvesse necessidade”, disse.

A parceria entre Governo e Prefeitura visa zerar a fila de espera para cirurgias eletivas da regional de Balsas, formada por 14 municípios. “Com certeza, o hospital está salvando vidas e dando mais dignidade à população, por que hoje ninguém mais fica implorando por vaga de UTI, transferência e estão sendo atendidos em Balsas, sem o sofrimento que havia antes”, completou Erik Augusto Costa e Silva.

Hospital de Balsas

O Hospital Regional de Balsas é referência para, pelo menos, 14 municípios da regional de saúde formada por Balsas, Alto Parnaíba, Carolina, Feira Nova do Maranhão, Formosa da Serra Negra, Fortaleza dos Nogueiras, Loreto, Nova Colinas, Riachão, Sambaíba, São Félix de Balsas, São Pedro dos Crentes, São Raimundo das Mangabeiras e Tasso Fragoso. A unidade é gerenciada pelo Instituto Acqua.

Comentários

Comentários