Hospital de Câncer do Maranhão completa três anos de funcionamento e comemora com caminhada de alerta para prevenção do câncer

Hospital de Câncer do Maranhão completa três anos de funcionamento e comemora com caminhada de alerta para prevenção. (Foto: Francisco Campos)

Hospital de Câncer do Maranhão completa três anos de funcionamento e comemora com caminhada de alerta para prevenção. (Foto: Francisco Campos)

O Hospital de Câncer do Maranhão proporciona à população assistência médica e com capacidade para consultas, exames, cirurgias e tratamentos de ponta na área oncológica, em média e alta complexidade. No sábado (26), a Secretaria de Estado da Saúde (SES) reuniu profissionais de saúde, pacientes e a população em geral para celebrar os três anos de funcionamento da unidade e alertar jovens e adultos para prevenção do câncer e dos cuidados com saúde em geral, durante caminhada de 5 km, na Avenida Litorânea, em São Luís.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, reafirmou o papel do Hospital de Câncer do Maranhão, e apontou este terceiro ano de funcionamento da unidade como um ano simbólico. “Este vai ser o ano em que o hospital vai funcionar exclusivamente como hospital destinado ao tratamento de câncer, já que os leitos que a gente ainda dispõe de ortopedia na unidade saem de uma vez por todas do hospital e passam a funcionar no Hospital de Traumatologia e Ortopedia do Maranhão”, disse.

Leia mais:

A professora Patrícia Campos da Silva, de 45 anos, foi uma das dezenas de pessoas que participaram da caminhada. (Foto: Francisco Campos)

A professora Patrícia Campos da Silva, de 45 anos, foi uma das dezenas de pessoas que participaram da caminhada. (Foto: Francisco Campos)

A professora Patrícia Campos da Silva, de 45 anos, foi uma das dezenas de pessoas que participaram da caminhada. Ela afirma que os profissionais de saúde são grandes aliados nessa frente do diagnóstico e tratamento do câncer, sobretudo na adesão ao tratamento. “O tratamento lá [Hospital de Câncer do Maranhão] é ótimo, eles tratam a gente muito bem. O começo pra mim foi um pouco difícil, porque eu não aceitava”, disse a professora diagnosticada com câncer do colo do útero, que desde de janeiro deste ano é atendida na unidade. “Eu achei interessante ajudar o próximo, ajudar outras pessoas que precisam de apoio”, completou Patrícia Campos sobre a sua participação na caminhada.

Na companhia do filho Eduardo Silva Gomes, de 10 anos, Nilza Cecília Barbosa da Silva, técnica de Enfermagem do Hospital de Câncer do Maranhão também participou da caminhada. Para ela, o trabalho no hospital é muito gratificante, lição que o filho já aprendeu. “Estou muito feliz por ajudar as pessoas”, disparou Eduardo Silva.

Desde agosto de 2014 até julho de 2017 foram realizados 108.786 atendimentos de urgências oncológicas na unidade, com predominância de pacientes diagnosticados com câncer de colo do útero, próstata, mama e pele. O hospital é público e faz parte da rede da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e é administrado pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh).

Nilza Cecília Barbosa da Silva na companhia do filho Eduardo Silva Gomes, de 10 anos. (Foto: Francisco Campos)

Nilza Cecília Barbosa da Silva na companhia do filho Eduardo Silva Gomes, de 10 anos. (Foto: Francisco Campos)

“A gestão pública da saúde é uma aposta do governador Flávio Dino. Os três anos do Hospital de Câncer são um marco na história do Maranhão, com uma campanha contra o câncer, falando a favor da prevenção, palavra chave na saúde hoje. É a Emserh a serviço da SES para avançar com a saúde no Maranhão”, pontuou a presidente da Emserh, Ianik Leal.

O Hospital de Câncer do Maranhão é considerado referência no atendimento especializado de pacientes oncológicos dentro da Rede Estadual de Saúde. “Nós estamos trabalhando na (re) humanização como um todo, tanto na parte estrutural do prédio como no convívio dos funcionários entre eles. Nós temos todas as especialidades, temos condições totais de atender nosso público”, explicou a diretora administrativa da unidade, Sheila Godinho.

Doação de alimentos 

A caminhada, com percurso de 5km, também promoveu a solidariedade. A cada inscrição efetuada, 1kg de alimento não perecível foi doado para a Fundação Antonio Brunno, instituição filantrópica que acolhe pessoas do interior em tratamento oncológico na capital. Os 359 quilos arrecadados foram entregues pelo secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, aos pacientes assistidos pela fundação.

“Nós tivemos a oportunidade de trazer, de incluir nossos pacientes em uma tarde maravilhosa, de participar da caminhada do amor e da solidariedade. Cada quilo de arroz, de açúcar é transformado em amor e carinho”, disse Maria de Fátima Pessoa Sousa, coordenadora da Fundação Antonio Brunno.

A ação contou com o apoio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), da Polícia Militar do Maranhão e da Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Trânsito e Transportes (SMTT).

Hospital de Câncer do Maranhão completa três anos de funcionamento e comemora com caminhada de alerta para prevenção. (Foto: Francisco Campos)

Hospital de Câncer do Maranhão completa três anos de funcionamento e comemora com caminhada de alerta para prevenção. (Foto: Francisco Campos)

Comentários

Comentários