Com Lei de Incentivo à Cultura, Estado apoia Festival Guarnicê de Cinema com foco no protagonismo feminino

Realizado pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), o Festival Guarnicê de Cinema está em sua 41ª edição e traz ao debate o protagonismo feminino no audiovisual. O Governo do Estado é patrocinador do evento por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, reforçando o incentivo ao audiovisual. A mostra teve início no dia 9 deste mês e prossegue até o dia 16, no Centro Histórico.

“Mais uma vez, o Governo do Estado apoia este evento tradicional e um dos mais importantes espaços de divulgação da produção cinematográfica maranhense. Com isso, o Governo fortalece o audiovisual incentivando a produção”, enfatiza o secretário de Estado da Cultura e Turismo (Sectur), Diego Galdino. Foram mais de 400 filmes inscritos, sendo 38 selecionados para mostra – destes, 14 curtas e longas maranhenses.

Além de películas maranhenses, a mostra conta ainda com produções de Lisboa (Portugal) e dos estados brasileiros de Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Tocantins, Goiás, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Distrito Federal.

O Festival Guarnicê de Cinema é o quarto mais antigo do Brasil destinado a incentivar o audiovisual. Paralelamente, estimula a economia local, o turismo, a cultura e movimenta o Centro Histórico de São Luís.

Incentivo ao audiovisual

O Guarnicê tem patrocínio do Governo do Estado e também conta com o apoio da rede do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

O IEMA oferece cursos técnicos-profissionalizantes aliado ao ensino médio regular e na área de cinema oferece o curso Audiovisual e variadas formações na Escola de Cinema, que funciona como unidade vocacional.

No conjunto de ações do Governo do Estado para incentivo a produções está o lançamento do primeiro edital de audiovisual do Maranhão e apoio ao projeto Maranhão na Tela.

Comentários

Comentários