Governo vistoria obras do Centro de Referência da Juventude e Inovação

   Os representantes do Governo e da comunidade verificaram o andamento das obras do CRJI. (Foto: Divulgação)

Os representantes do Governo e da comunidade verificaram o andamento das obras do CRJI. (Foto: Divulgação)

O Governo do Estado promoveu, na última segunda-feira (4), uma visita às instalações do Centro de Referência de Juventude e Inovação (CRJI), no Bairro de Fátima, em São Luís. O objetivo da vistoria, realizada com representantes de secretarias de Estado e comunidade, foi verificar o andamento das obras de adequação executadas no prédio da antiga Unidade de Educação Básica Antônio Jorge Dino.

Estiveram presentes na visita, membros das secretarias de Estado Extraordinária da Juventude (Seejuv), dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), da Mulher (Semu), do Esporte e Lazer (Sedel) e do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

A Unidade de Educação Básica Antônio Jorge Dino está sendo reformada para receber o CRJI, que vai oportunizar aos jovens, entre outros serviços, formação profissional, produção de conhecimento e estímulo a criatividade e inovação, atividades culturais, artísticas, esportivas, graças a uma articulação entre vários órgãos governamentais que dispõem de serviços para a juventude.

“O Centro de Referência de Juventude e Inovação é uma articulação propositiva entre várias secretarias e órgãos do Governo do Estado, como a Seduc, Sedel, IEMA, Sedihpop, Semu, entre outros órgãos que vão oferecer aqui instrumentos e serviços que contribuirão para o desenvolvimento dos jovens e de toda a Região Metropolitana de São Luís”, destacou a secretária da Juventude, Tatiana Pereira.

O reitor do IEMA, Jhonatan Almada, acompanhou a visita e falou sobre a participação do instituto no projeto de oferta de serviços aos jovens pelo CRJI: “O IEMA não poderia estar de fora desse grande projeto porque foi criado pelo governador Flávio Dino com o objetivo de democratizar o acesso à educação profissional e tecnológica, e o segmento social com maior demanda por educação profissional é a juventude. Então, o Centro de Referência de Juventude já nasce também com essa vocação de produção do conhecimento e de formação técnica”.

Instalado no prédio onde funcionou a antiga UEB Antônio Jorge Dino, o CRJI vai beneficiar toda a juventude da Região Metropolitana, mas sobretudo da área que compreende o Bairro de Fátima e as comunidades adjacentes. Por isso, representantes da comunidade participaram da visita às obras de adequação do espaço.

Um dos comunitários que acompanhou a ação foi André Santana Gomes. Morador do Bairro de Fátima a mais de 20 anos, André diz que o equipamento vai resgatar a cidadania dos jovens do bairro e de toda São Luís.

“Será o maior presente que a juventude do Bairro de Fátima e de toda São Luís vai receber. Vai resgatar a cidadania e a dignidade de tantos jovens que estão sendo ‘engolidos’ pelas drogas, pela violência e que só precisam de mais oportunidades”, ressaltou.

Orçamento Participativo

O Centro de Referência da Juventude e Inovação é oriundo dos resultados das Escutas Territoriais e do Orçamento Participativo, realizadas em 2016 já estando previsto no Plano Plurianual (PPA) para 2017. Durante a votação das ações prioritárias para o PPA desse ano, a proposta do CRJI foi eleita com 2.742 votos.

A secretária Adjunta de Participação Popular da Sedihpop, Creuzamar de Pinho também participou da visita. Ela disse que o Centro é a concretização da participação popular na gestão estadual e evidencia uma das marcas principais do Governo Flávio Dino, que é governar junto com as pessoas.

“Através do Orçamento Participativo, estamos reescrevendo a história do Maranhão com a participação popular. E esse é o caminho escolhido pela gestão do governador Flávio Dino: ouvir a população e devolver suas demandas em ações. E o Centro de Referência é essa devolutiva para a juventude de toda a Região Metropolitana de São Luís”, destacou.

Centro de Referência da Juventude e Inovação

Iniciativa do Governo do Estado desenvolvida em parceria entre a Seejuv, Seduc, Sedihpop, Semu e o IEMA, o Centro de Referência de Juventude e Inovação será um espaço que promoverá o protagonismo juvenil e a formação profissional, geração de oportunidades e apoio ao empreendedorismo.

A produção de conhecimento e o estímulo a criatividade e inovação, a participação em atividades culturais, artísticas, esportivas, e ainda a oferta de serviços de cidadania e orientação vocacional são outros benefícios do espaço, acessível, aberto e democrático, que se constitui uma referência à juventude.

Comentários

Comentários