Equipes de saúde de Balsas recebem oficina de tutoria no processo de Planificação da Atenção à Saúde

O processo atua, principalmente, na organização dos processos de trabalho na Atenção Primária à Saúde (APS) e na Atenção Especializada (AE). (Foto: Divulgação)

Com o desenvolvimento da Planificação da Atenção Primária à Saúde no Maranhão, o Governo do Estado avança na qualificação da atenção à saúde da população. Em Balsas, iniciou na segunda-feira (14) a quarta oficina de tutoria no âmbito da Planificação da Atenção à Saúde. Cerca de 30 profissionais tutores de seis unidades básicas de Saúde e da unidade laboratório espelho participam da atividade. Esta edição da tutoria será encerrada na quarta-feira (16).

O processo atua, principalmente, na organização dos processos de trabalho na Atenção Primária à Saúde (APS) e na Atenção Especializada (AE). Para a superintendente de Atenção Primária, Joelma Veras, a planificação é uma mudança de processos que vai impactar positivamente na qualificação da atenção ao usuário do SUS.

“É um projeto estruturante da atenção primária, porta de entrada dos usuários no SUS, e de vinculação, o que garante a continuidade da assistência. Através da implantação de instrumentos, organização dos processos e planejamento, aumentamos a resolutividade”, destaca Joelma Veras.

A oficina de tutoria é a parte prática do projeto de Planificação, em que os consultores acompanham as equipes dentro das unidades. “A gente conversa com os profissionais e traça um plano de ação para implantação de alguns processos. Em Balsas, estamos implantando o atendimento por bloco de horas, três Protocolos Operacionais Padrão – de imunização, recepção, esterilização e limpeza – e organizando os fluxos internos das unidades”, explica a coordenadora Estadual da Planificação, Patrícia Veras.

A unidade laboratório espelho começou a tutoria em dezembro, assim que foram finalizadas as oficinas teóricas da Planificação, que formaram 550 profissionais no município. Desta vez, seis unidades básicas participaram, elas são chamadas de unidades de expansão. No total, serão sete oficinas de tutoria.

Planificação

A Planificação da Atenção à Saúde é um projeto proposto pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e adotado pelo Governo do Maranhão. Um investimento na melhoria, em especial, da Atenção Básica. Em Balsas, o processo teve início em março de 2017.

“Balsas já fechou a territorialização de todo município, que é a vinculação dos usuários a uma unidade básica; está terminando o cadastramento familiar no e-SUS Atenção Básica; implantou em uma unidade e está expandindo para mais seis o prontuário eletrônico; aumentou a carga horária dos profissionais para 40 horas; e aumentou o número de consultas médicas de 2mil para 6 mil/mês”, lista Patrícia Veras.

Além de Balsas, a Planificação da Atenção à Saúde está em processo de construção avançada nas regionais de saúde de Timon e Caxias. Na Região Metropolitana de São Luís, o processo iniciou este ano na área Itaqui-Bacanga.

Comentários

Comentários