Região Tocantina recebe melhorias na infraestrutura de três escolas da rede estadual

Secretário Clayton Noleto entrega o Centro de Ensino Nova Vitória (Foto: Janaína Amorim)

O Governo do Estado contemplou a Região Tocantina com a entrega de três escolas. Ribamar Fiquene com a construção de uma escola, Imperatriz com reforma do Centro de Ensino Nova Vitória e Davinópolis com a construção da quadra poliesportiva do Centro de Ensino Francisco Alves II. As escolas foram entregues na quarta-feira (13).

As obras foram executadas pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), em parceria com a de Educação (Seduc). O titular da Sinfra, Clayton Noleto, que representou o governador Flávio Dino nas entregas, falou sobre o impacto dos investimentos para a região.

“Entregamos equipamentos públicos que vão alcançar os alunos e os profissionais de educação, atendendo a uma demanda de décadas das comunidades. É o trabalho que não para, fazendo o Maranhão avançar cada vez mais no rumo certo”, destacou.

O Centro de Ensino Manoel Bezerra de Oliveira tem o primeiro prédio próprio, depois de décadas de espera. A escola conta com seis salas de aulas, laboratório de informática, diretoria, secretaria, de professores, almoxarifado, cozinha, área de serviços e vestiários. Além de kit de abastecimento, com caixa d’água e cisterna.

O investimento de mais de R$ 1 mi  mudou a vida dos estudantes, que agora poderão estudar durante o dia. Antes, o Ensino Médio só era disponibilizado a noite porque a escola funcionava em um local cedido. Quem optasse por outro horário, precisava buscar escolas em Campestre ou Imperatriz.

Representando o secretário de Educação, Rosyjane Paulo, Adjunta da Seduc, destacou a mudança que tem acontecido no Maranhão por meio da educação. “As escolas entregues para as comunidades estão mudando o nosso Estado. Quero aqui agradecer ao trabalho do governador Flávio Dino, e dos secretários Felipe Camarão e Clayton Noleto. Estamos transformando o Maranhão em um Estado digno”, disse.

Outro benefício é ampliação do número de vagas. Hoje são aproximadamente 400 alunos atendidos, mas com o novo prédio, poderá ser ampliada a oferta para mais de 700 vagas. “O impacto é muito positivo. Nós trabalhávamos com todos os alunos em um prédio da rede municipal. A gente tinha superlotação de sala, não tínhamos biblioteca. Agora os alunos e professores terão condições de melhorar os índices educacionais”, destacou a gestora Maria Viana. Em Imperatriz, o Centro de Ensino Nova Vitória, localizado no Conjunto Vitória, recebeu uma reforma estruturante.

Estudante Gabriele Vitória disse que com a escola reformada tem mais motivação para estudar (Foto: Janaína Amorim)

Orçada em mais de R$ R$ 700 mil reais a escola recebeu intervenções na cobertura, pisos, revestimentos, forros, soleiras, peitoris, pintura e instalações elétricas. Os banheiros foram todos reformados e ganharam louças novas. Instalação de subestação de energia e climatização de todas as salas. A quadra e o estacionamento, também, passaram por reformas e as salas de aula foram climatizadas.

A iniciativa encerra uma espera de 30 anos da comunidade escolar e melhora as condições de aprendizagem dos 328 estudantes, entre eles a Gabriele Vitória. “Melhorou o ensino dá mais vontade de vir estudar e possibilita a gente alcançar um melhor desempenho, com mais facilidade para passar em vestibulares”, avaliou.

Já o Centro de Ensino Francisco Alves II, em Davinópolis, recebeu um espaço adequado para prática de atividades esportivas e culturais. A quadra poliesportiva da escola foi totalmente construída, com cobertura e vestiários. O investimento de R$ 794.692,79, possibilita aos 700 alunos matriculados na unidade, um local muito mais confortável para as práticas esportivas.

O professor de educação física, Evilásio Mota, disse se sentir orgulhoso pela entrega da quadra. “É uma alegria impar receber essa quadra, que é um complexo esportivo. Há 30 anos sonhávamos com esse momento. Toda a comunidade de Davinópolis realiza um sonho. Estamos orgulhosos e felizes”, afirmou.

Há um ano, o Governo do Estado entregou a reforma do Centro de Ensino Francisco Alves II. A escola passou por uma reforma que foi quase uma reconstrução, abrangendo a parte estrutural, teto, piso, revestimento, instalações elétricas, hidráulicas, além da climatização.

Comentários

Comentários