Programa Mais Estágio oferece 500 vagas para alunos de ensino médio no Maranhão

Alunos de ensino médio podem concorrer a 500 vagas de estágio disponíveis pelo Programa Mais Estágio, que será lançado pelo governador Flávio Dino nesta sexta-feira (11), no Centro de Criatividade Odylo Costa Filho, na Praia Grande.

O programa oferece vagas de estágio não obrigatório em empresas públicas, privadas e órgãos estaduais como a própria Secretaria de Estado da Educação (Seduc), à frente da iniciativa juntamente com a Secretaria de Estado Extraordinária da Juventude (Seejuv).

Já há vagas previstas em 25 municípios maranhenses, como São Luís, Paço do Lumiar, São José de Ribamar, Timon, Caxias, Santa Inês, Barreirinhas, Pedreiras e Pinheiro, entre outros. A meta é promover o programa em todo o estado.

A mediação entre os estagiários e as empresas filiadas ao Mais Estágio é feita pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e pelo Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), parceiros do governo na promoção do programa.

Para participar, basta ser aluno regular de ensino médio em escolas da rede pública e particular do estado. Estudantes de escola pública, no entanto, têm preferência no preenchimento das vagas. Podem participar do programa estudantes a partir de 16 de anos.

Perfil das vagas

As vagas de estágio têm regime de trabalho de quatro a seis horas por dia, de segunda a sexta-feira. A média de remuneração mensal é de um salário mínimo, mas algumas empresas chegam a pagar até R$ 1.500,00.

A coordenação do programa vai acompanhar o desenvolvimento dos estagiários, bem como a relação de trabalho com as empresas, a fim de evitar abusos. “Quando for período de prova, os alunos podem pedir dispensa para não atrapalhar nos estudos”, diz o secretário adjunto de Programas e Projetos Especiais da Seduc, Ismael Cardoso.

Vantagens

O contrato de estágio tem duração inicial de um ano, podendo ser prorrogado por mais um. Nada impede as empresas de efetivarem os estagiários após esse período.

Ismael ressalta as vantagens do programa para estagiários e empresários: “Ao inserir o jovem no ambiente corporativo, a empresa pode formar um profissional qualificado, com potencial para se tornar a ‘prata da casa’”.

“Para o jovem, além do ganho financeiro, é uma oportunidade de aprender um ofício desde cedo, ajudando na sua formação profissional”, conclui Ismael sobre o Mais Estágio.

Decreto

O Mais Estágio foi instituído pelo governador Flávio Dino via decreto, em março de 2017, para regularizar a oferta de estágio para alunos de ensino médio no Maranhão, que desde 2010 havia sido descontinuada pela justiça.

Àquele ano, o Ministério Público do Trabalho (MPT) provocou a dispensa de 700 jovens em situações de trabalho inadequadas à aprendizagem profissional, pois estavam sendo tratados como mão de obra barata.

Inscrições

Interessados já podem se inscrever no Mais Estágio por meio do site da Seduc (http://www.educacao.ma.gov.br), onde estão disponíveis informações sobre o programa e contatos do CIEE e IEL.

Programa Mais Estágio oferece 500 vagas para alunos de ensino médio no Maranhão. (Foto: Divulgação)

Programa Mais Estágio oferece 500 vagas para alunos de ensino médio no Maranhão. (Foto: Divulgação)

Comentários

Comentários